block

O Agito Brasil está presente em 83 cidades no Brasil. Confira!

Ei, palhaço! - Agito Campinas

Login
Entrar com sua conta no Agito
  1.  
  2.  
ou recuperar senha

Por que logar? Logado você pode participar de promoções, fazer comentários, compartilhar, recomendar, participar do Agito Live e muito mais.

Não é cadastrado? Cadastre-se!

Login

Para vincular sua conta da rede social você precisar ter o cadastro no Agito!

Mostrar a minha foto do perfil da rede social?
  1. Receber boletins me informando sobre os principais eventos da região.

Ei, palhaço!


Você fica bravo se lhe chamam de palhaço? É muito comum, especialmente no trânsito, um palhaço qualquer lhe chamar de palhaço só porque você deu seta para a esquerda e entrou para a direita. Palhaço, nesse caso, passa a ser um xingamento. Mas, no circo - lá dentro de você - palhaço é muito mais que isso. O palhaço representa aquela criança que habita seu ser e aponta para um mundo mágico e feliz do qual você teima em esquecer.

A tristeza não gosta do palhaço porque ele insiste em distribuir sementes de alegria por onde passa. Se elas germinarão vai depender em que solo estas sementes cairão. É lamentável que com o passar dos anos nós, os adultos, procuramos matar o palhaço existente em nosso íntimo. Como se não bastasse este crime contra a alegria,  ainda o taxamos de irresponsável. Sim, porque quando alguém lhe chama de palhaço na verdade o está chamando de irresponsável. E, o palhaço não é um irresponsável. Ele é, isso sim, responsável pela pouco de alegria que carregamos e que nos mantém em pé. Ele é aquele menino que um dia fomos e que, em nome de nosso progresso pessoal e material, aprisionamos nas profundezas da lembrança. Ele representa a eterna luta entre a vida e a morte, a alegria e a tristeza, a guerra e a paz , a ordem e a desordem, a pureza e promiscuidade.

O palhaço não é ladrão de mulher, como diz a lenda. Mas, certamente é um ladrão. Ele rouba sua tranqüilidade quando esta não mais lhe satisfaz. Pode roubar também esta sua inércia perante a vida. Ele te cutuca com sua varinha de condão mágica prometendo trazer fortunas e, de maneira desastrada, deixa cair por terra suas calças. O palhaço não lhe dá sossego. Ele é elétrico e, talvez, tente mostrar-lhe que este seu marasmo serve apenas para esconder sua verdadeira vocação. Ser,  também,  um palhaço. Por isso, o dia em que você tiver certeza que deixou as chaves de seu carro em determinado lugar e ela estiver em outro completamente diferente...ou, deixar uma panela cair no dedão do pé...ou ainda, estar certo que pôs a cerveja para gelar e não mais encontrá-la...é o seu palhaço te convidando para brincar. Você pode aceitar e dar boas gargalhadas ou se zangar e perder alguns preciosos momentos de alegria em sua vida!

Donizete Romon é jornalista, radialista e ator. Seu principal personagem é o Palhaço Peteca

Comentários
 Não Existem Mensagens

Deixe um Comentário

Para enviar uma mensagem, você precisa estar cadastrado

Faça o . Ainda não é membro? Cadastre-se

As mensagens serão liberadas em alguns instantes, após revisão de nossos editores.